O que é afinal a Programação Neurolinguística

O que é, afinal, a Programação Neurolinguística

A Programação Neurolinguística, ou simplesmente PNL, é, sem sombra de dúvida, uma das ferramentas mais utilizadas para o desenvolvimento profissional.

A cada dia deparamo-nos com um mercado de trabalho cada vez mais competitivo. E isso é algo que podemos ver na grande maioria das profissões.

Por isso, é natural que muitas pessoas se sintam stressadas, ansiosas e, até mesmo, desmotivadas com a profissão e os estudos. 

Sendo assim, a Programação Neurolinguística é uma abordagem que possibilita a construção de soluções pelo próprio indivíduo.

Com isso, também é possível melhorar os relacionamentos interpessoais, tanto no ambiente profissional como no pessoal. Essa transformação ocorre através de uma gestão eficaz das emoções.

Dessa forma, observa-se um grande impacto na produtividade e desenvolvimento no trabalho e na vida pessoal. Ficou interessado? Então continue a ler para ficar a saber tudo sobre a PNL.

Programação Neurolinguística: Qual o seu real significado?

A Programação Neurolinguística deriva do termo inglês Neuro-linguistic Programming.

Trata-se de uma ferramenta que permite compreender melhor o funcionamento do nosso cérebro.

Além disso, é possível identificar os mais diversos modelos mentais, para que possamos questioná-los e refletir sobre os mesmos. Isso faz com que em caso de necessidade estes possam ser ressignificados.

Em suma, a PNL visa compreender as relações entre os processos neurológicos, a linguagem e as atitudes do nosso quotidiano. Podemos identificar as crenças interiores e amenizar a presença de estímulos automáticos nas mais diversas situações do dia a dia.

Além disso, com as técnicas aplicadas na PNL conseguimos não só obter mais conhecimento de nós mesmos, como também do outro.

Dessa forma, conseguimos compreender as emoções envolvidas nas decisões e podemos encontrar formas de exercermos mais influência.

Sendo assim, podemos considerar:

P – Programação: Habilidade de organizar a comunicação e o sistema neurológico visando a conquista dos objetivos.
N – Neuro: Conjunto nervoso através do qual a experiência é recebida, processada e concebida.
L – Linguística: Sistema de comunicação verbal e não verbal que representa o significado e a experiência.

Através dessa ferramenta aprendemos de forma assertiva a comunicarmo-nos mais eficazmente, interna e externamente.

Quais são as situações mais indicadas para a aplicação da PNL

Como já sabemos, a PNL tem como objetivo trazer mais autonomia na comunicação com a nossa consciência e mente.

Assim, tendo livre acesso ao nosso inconsciente, conseguimos processar melhor todas as informações e compreender, claramente, o que realmente desejamos para a nossa vida.

Portanto, a PNL é aplicada como uma metodologia que visa melhorar a comunicação consigo e com os outros.

Normalmente, esta técnica é aplicada por um Master em PNL. Este será o profissional responsável por trabalhar consigo a abordagem, de modo a ajudá-lo a construir novas soluções para os seus relacionamentos.

Portanto, a PNL pode ser aplicada em diversas situações. Tais como:

  • Desenvolvimento da Inteligência Emocional;
  • Melhoria da autoestima;
  • Alívio das dores e dos traumas;
  • Resolução de conflitos;
  • Ajuda na tomada de decisões mais assertivas;
  • Potencializar a produtividade na vida profissional e pessoal.

Dessa forma, podemos ver que são inúmeras as áreas de aplicação da PNL.

Afinal, este é um instrumento primordial para o desenvolvimento pessoal, com o intuito de proporcionar uma projeção mais positiva em muitos aspetos da vida.

Já conhecia os benefícios da Programação Neurolinguística? Se ainda não, pode considerar esta possibilidade de modo a obter mais harmonia e equilíbrio nas suas relações.

Feedback

%d bloggers like this: